terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Nadando, dançando e voando com os golfinhos - Cancun

 Nadando, dançando e voando com os golfinhos - Cancun

 

Que tal nadar com os golfinhos?



Olhe que irado... Uma verdadeira decolagem. 



Cancun - Golfinhos

 

 Os golfinhos sabem dar risadas. 

 

Golfinhos

 

E dançar também...

 

Golfinhos

   

 Veja também:  México - Cancun e arredores

 

 

 

 

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

12 melhores postagens de 2012

 AS 12 MELHORES POSTAGENS DE 2012


O ano de 2012 está chegando ao fim e aproveitei a oportunidade de elaborar uma lista das 12 melhores postagens do ano. 


Nesse post falamos de uma das cidades mais bonitas que visitamos. Lindas fotos, graças à suntuosidade desse lugar mágico.  

 Local da morte de


Aqui, mostramos como você pode relaxar e ao mesmo tempo desfruta da cultura de uma das civilizações mais antigas. 

 


Aqui descrevemos a grata surpresa de conhecer uma cidade onde o simples se mistura com o belo.  

Belém 


Nesse post mostramos uma das cidades mais bonitas da Europa.



Nessa viagem mais recente, postamos sobre as belezas e encantos de Paraty. 

Paraty


Aqui mostramos um cantinho escondido de Londres, que você não se arrependerá de conhecer. 

 


Esse zoológico é totalmente diferente de tudo que vimos. Aqui você interage com os animais. 



Nesse post, mostramos as belezas de Munique e também de Füssem, cidade onde há os famosos castelos nos Alpes. 



Em Santiago, você se diverte de várias maneiras, até escorregando na neve.



Aqui fizemos um roteirinho bem legal para você dá uma engordadinha. 



Quem vai a Berlim não pode deixar de conhecer essa cidade. Castelos e Jardins lindos. 

Potsdam


Um roteiro prático e simples para conhecer essa bela cidade do norte de Portugal. 

 


terça-feira, 27 de novembro de 2012

Paraty, dicas para um belo feriado.

PARATY
Cidade onde há tranquilidade, ótima culinária, aventuras, praias lindas e muita cultura. 



-Nosso Roteiro: 
Vou passar nosso roteiro de Quinta a Domingo e depois explicar separadamente cada atração. 

-Chegamos quinta-feira pela tarde e, depois de deixarmos as coisas na pousada, fomos dar um rolé no Centro Histórico, que por sinal é um show de cultura e beleza. 
Aproveitamos o fim da tarde e jantamos por lá mesmo. 

No dia seguinte (sexta-feira), fomos de carro para Trindade, onde ficamos na Praia do Meio (a última praia)
Lá, fizemos uma pequena trilha até a Praia do Cachadaço e nesta fizemos outra trilha até a Piscina Natural do Cachadaço. 
Chegando à Piscina Natural, curtimos o local por 1h
É um espetáculo. Água cristalina cercada de mar, rochas e peixes ornamentais. 
De volta, pegamos o barco até a Praia do Meio (10 reais por cabeça), pois já tínhamos acabado de conhecer a trilha
Na Praia do Medo, ficamos na areia curtindo uma cerveijinha com uma isca de peixe. 
À tarde, e ainda com disposição, saindo de Trindade, resolvemos dar uma passada em Cunha (Estrada Paraty - Cunha), para conhecer a cachoeira e a Estrada Real, tudo isso no Km 8 da estrada. 
Chegamos em casa, descansamos e à noite jantamos no Centro Histórico. 

Sábado, pela manhã, fomos até o fim da Av. Beira Rio na altura do Centro Histórico, e alugamos somente para nós uma traineira por 2h (120 reais), para percorrer algumas ilhas
Muito legal e relaxante. Preferimos isso à escuna, que vai lotada e são 5h de passeio. 
À tarde,  fomos conhecer o maior alambique da região, o Coqueiro. Muito Legal. Fizemos degustações de muitos tipos de cachaças, além de conhecer suas produções. Saí de lá tonto, de tanto experimentar cachaças diferentes.  

Domingo, pela manhã, voltamos para o Rio.  
  

Atrações


 -  Na Estrada Paraty - Cunha:


1-Estrada Real (Caminho do Ouro)
Fica no Km 8 da estrada.
Caminho construído pelos escravos entre os séculos XVII e XIX.   A Estrada Real foi construída pela Coroa Portuguesa com o intuito de fiscalizar a circulação do ouro que era retirado de Minas Gerais, passava pelo Caminho do Ouro em Paraty e seguia para Portugal.
A visita é feita somente acompanhada de um guia e preferimos não fazê-la, pois o clima estava muito quente e entendemos que não iria acrescentar muito. 

Paraty



2- Cachoeiras

No Km 8, da Estrada Paraty - Cunha, encontramos o vale das cachoeiras. 
Muito LegalHavia uns doidos "surfando" a cachoeira.
Há vários restaurantes próximos, com comidas típicas. 
Comemos uma excelente Galinha Caipira.  

Paraty



- No Centro Histórico


Paraty

Paraty



O Centro Histórico de Paraty remonta aos séculos 18 e 19, onde suas ruas já possuíam seu calçamento "pé de moleque". 
Até hoje, a paisagem emoldurada por casarões coloniais e igrejas é mantida. 

1- Vários restaurantes legais.

A culinária é o forte de Paraty. Come-se muito bem, principalmente no Centro Histórico. 

3- Teatro dos Bonecos. 

As apresentações são feitas no Teatro Espaço, às quartas e aos domingos
http://www.ecparaty.org.br/ 

4- Passeio de Barco

Sugerimos que vá até o fim da Avenida Beira Rio, na altura do Centro-Histórico e negocie o preço e a duração do passeio de barco. 
Passeio coletivo com escuna é mais barato. 
Caso queira privacidade, contrate uma traineira, por hora. (+/- 60 reais a hora)  
Contratei o serviço de um barqueiro, de alcunha "Farinha", que nos levou para conhecer as ilhas próximas, em sua traineira. Recomendo. Tel. 24- 9997 2984

Paraty

Paraty



  Trindade

Sobre Trindade

- Outros

- Alambique Coqueiro:  
Fizemos degustações de vários tipos de cachaças. Aproveitamos e vimos a produção. 
Para chegar até lá, clique aqui.  

Paraty

Paraty



- Localização da estadia  
Recomenda-se ficar próximo ao Centro Histórico, de preferência em frente à Avenida Beira Rio. 


- Estradas:

1- Rio - Santos
Tanto para quem vem do Rio como de São Paulo, essa estrada é o caminho para se chegar a Paraty. 
Cuidado, a mesma não é duplicada e tem muitos radares. 

2- Paraty - Cunha
Estrada que te leva até o Vale das Cachoeiras e a Estrada Real.
A estrada fica próxima ao Trevo do Centro Histórico de Paraty, na Rio-Santos. 

Para saber sobre o calendário cultural de Paraty, clique aqui. 

Trindade, aventura, tranquilidade e praias lindas.


Trindade é um local onde há aventuras, trilhas, praias lindas e tranquilidade.


Trindade

Acesso fácil pela Rio - Santos, em direção a Ubatuba, para quem vem do Rio de Janeiro. 
Pegue a Rio - Santos a partir do trevo de acesso ao Centro Histórico de Paraty e marque 17 Km em direção a Ubatuba. Pronto, cruze a pista e entre em Trindade. 
Até as praias, em especial a Praia do Meio,  vá de carro até o limite da estrada.  

Paraty
Estrada em Trindade


1-Praias


1.1- Praia do Meio

É a melhor praia para ficar na areia, bebendo e petiscando. 
Daqui, pega-se a trilha para a Praia do Cachadaço, onde se pega outra trilha até as Piscinas Naturais.

 
Paraty - Trindade

1.2- Praia do Cachadaço 


Daqui, pega-se a trilha até a Piscina Natural

Paraty


2- Trilhas

São trilhas em plena Mata Atlântica, coladinha ao mar. 
Uma começa na Praia do Meio e termina na Praia do Cachadaço. 
Outra se inicia na Praia do Cachadaço e termina na Piscina Natural.    

Paraty


Paraty



3-Piscina Natural

É uma coisa encantadora. 
Águas calmas e cristalinas, com peixinhos ornamentais. 
Para voltar à Praia do Meio, aconselho pegar um barco (10 reais por pessoa) 


Paraty
Piscina Natural 





Para dicas de Paraty, clique aqui.

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Potsdam, um belo passeio nos arredores de Berlim.

Para quem curte história, gosta de ver belos palácios e jardins,  Potsdam é um prato cheio.

A capital da região de Brandemburgo (Brandenburg) é ao lado de Berlim e vale a pena ficar lá pelo menos uma noite (um bate-volta também é recomendado). 

Evite conhecer Potsdam numa segunda-feira, pois a maioria das atrações ficam fechadas. 

Potsdam foi residência dos reis da Prússia, bem como lá ocorreu a Conferência de Potsdam, cujo objetivo era o estabelecimento da ordem pós Segunda Guerra, incluindo contornar os seus efeitos
Potsdam foi bastante bombardeada durante a guerra.

- Como chegar:  

Compre o passe de um dia do metrô para uso nas áreas A, B e C de Berlim, que também poderá ser usando em qualquer ônibus de Potsdam.
A S-Bahn S7 (metrô) leva até Potsdam (área C), saindo de Berlim, da estação S Friedrichstr, até chegar à estação Potsdamer Stadt (cerca de 45min).
Chegando lá, pegue um ônibus ou vá andando até as atrações. 




 Como circular:

A pé ou de bicicleta.

- Parque Sanssouci (Schlosspark Sanssouci): 

 Esse enorme parque possui alguns dos palácios mais bonitos da Europa, tais como o Neues Palais, o Palácio de Sanssouci, entre outros.

Potsdam



Parque Sanssouci




 - Palácio de Sanssouci (Schloss Sans Souci): 

É o  palácio de verão de Frederico, o Grande, rei da Prússia.
Sans Souci significa em francês "sem preocupação", justamente o que o rei queria em suas horas de descanso. 
O palácio é considerado a grande obra da arquitetura rococó na Alemanha. 



Potsdam
Palácio de Sanssouci




- Palácio Novo (Neues Palais):

Um dos mais belos palácios da Alemanha.

 - Palácio Cecilienhof (Schloss Cecilienhof)

O palácio Cecilienhof adquiriu significância histórica através da Conferência de Potsdam, na qual foi decidido o futuro da Alemanha após a Segunda Guerra Mundial.

O encontro reuniu Clement Attlee (substituto de Churchill), Harry Truman (substituto de Roosevelt) e Stalin, para decidirem o destino da Alemanha. 

Ficou decidido que a Alemanha seria dividida em quatro zonas sob a administração francesa, britânica, norte-americana e soviética.

 

Schloss Cecilienhof
Cenário da Conferência de Potsdam




Potsdam
Palácio de Cecilienhof

Alemanha



Potsdam
Portão de Brandemburgo.


Alemanha


Potsdam
Alexandrowka - Colônia Russa








quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Camden Town - o local mais eclético de Londres.

  Passeio a Camden Town. 

Famosa por seus mercados e por seus frequentadores exóticos, Camden Town é um cenário com diversos tipos de comidas e pessoas. 

 

Um dos locais mais alternativos de Londres, com comidas, artes e culturas variadas.  
Há vários tipos de mercados de rua nesse bairro, com ofertas de roupas, livros, antiguidades, artesanatos, souvenires etc. 
O local nos lembrou uma Uruguaiana ou 25 de março dos londrinos, só que bem glamourosa.

Lá é tudo muito diferente.  Reparem no tipo de "massagem" que encontramos. Peixinhos mordiscando os pezinhos, comendo as células mortas

Londres
Peixes massagistas
 


Há um mercadinho com vários quiosques com comidas típicas de países orientais e até encontramos um com refeições brasileiras. 
Tudo é feito na hora. 


Os pubs são bem interessantes, frequentados por todas as tribos, desde mauricinhos até punks, hippies.
 Lá, fomos servidos por punks. Eles são simpáticos e, apesar do estilo diferente, não são atrevidos. 




domingo, 14 de outubro de 2012

Como montar sua viagem pela Europa

Montar sua viagem pela Europa







1) Não compre sua passagem antes de resolver totalmente seu roteiro.

Nunca compre sua passagem de avião na empolgação, só porque ela está barata, até porque não necessariamente o destino será aquele no qual você planejava ir.  
Inicialmente, você precisa saber o roteiro inteiro de sua viagem (exceção: se você for viajar para apenas um local). Na maioria das empresas aéreas, você pode comprar a passagem com chegada em uma cidade e saída em outra. Quando você compra uma passagem por impulso e monta seu roteiro posteriormente, corre o risco de precisar trocar a data de retorno ou até mesmo acabar perdendo mais tempo com deslocamento.

2) Não queira conhecer a Europa toda numa única viagem.

Um outro erro muito comum de quem vai viajar pela primeira vez é querer conhecer várias cidades e países numa única viagem.
Isso ocorre porque temos a sensação de que precisamos conhecer tudo naquele momento, como se nunca mais fôssemos viajar. 
É importante ter calma na hora de fazer seu roteiro ou você acabará conhecendo as cidades de forma superficial, ficando cansado, não aproveitando muitas vezes o local e deixando de conhecer algum ponto turístico interessante.
Acredite, quanto mais você troca de cidade, mais tempo você perde, seja com aeroporto seja com check-in e check-out

3) Fixar "bases" sempre é o recomendável.

Vale mais a pena fixar-se num local (fazer bases) e de lá fazer os bate-voltas para conhecer os arredores. 
Isso vale, inclusive, para quem vai viajar de carro: não se esqueça que você terá que encontrar o local do hotel e onde estacionar seu carro, pois muitas vezes o hotel não tem estacionamento.


4) Tempo de permanência nas cidades.

Sugiro que, para cada cidade grande ou capital que for conhecer, fique no mínimo quatro dias (Quando digo quatro dias, refiro-me a quatro dias inteiros, não contando o dia da chegada, tampouco o da saída da cidade).

5) Dê preferência a cidades próximas.

Sempre que for montar seu roteiro de viagem em um mesmo país, de preferência a cidades próximas uma das outras, onde o deslocamento seja pequeno, ou você perderá vários dias só com deslocamento. 
Se você estiver viajando pela Europa de trem, desloque-se  por cidades pela via ferroviária, desde que a viagem não ultrapasse 4 horas, pois além desse limite sua viagem ficará cansativa.


6) Situar-se no mapa sempre vai te ajudar.

Sempre que for viajar, é bom se situar no mapa da cidade, para saber quais atrações, museus, pontos turísticos, restaurantes e praias você pretende ir. 
Isso é importante, para ver quais locais são próximos uns dos outros, para poder se deslocar sem perder muito tempo.


7) Dia e horário de visitação: Não se esquecer de verificar.

Nunca se esqueça de verificar os dias que abrem e os respectivos horários de visitação do local que deseja conhecer, caso contrário, você poderá ter uma surpresa e chegar ao local com ele fechado.
Muitas vezes, segunda-feira, museus, parques estão fechados ou com horário de visitação restrito.

8) Reserve antecipadamente seus hotéis.

Faça todas as reservas de hotéis antes de ir viajar, a não ser que você tenha muito tempo e não se preocupe de perder, muitas vezes, um dia inteiro procurando hotel.
Caso contrário, viajar contando com a sorte pode acabar estragando sua viagem. Você pode vir a perder muito tempo procurando um hotel que tenha vaga ou, até mesmo, não encontrar vaga em algum. 
Além disso, quando você compra as diárias de hotel antecipadamente, normalmente a tarifa possui um preço melhor.

9) Escolha seu hotel através de informações de amigos.

Escolha sempre o hotel com base em informações de amigos e outros viajantes. Isso é fácil de verificar, seja através de livros de viagens, seja através do site de busca de hotéis (como exemplo: decolar.com e booking.com).

10) Detalhes que fazem a diferença numa viagem pela Europa.

Por último, aproveite sua viagem não só para ver os pontos turísticos e sim agir como um cidadão local. Sente nos cafés, converse com os "locais", relaxe nos parques, olhe as pessoas ao redor, coma no mesmo local que um nativo, ande muito a pé, de bicicleta e de transporte público. Boa viagem!!!!


Se você quer obter mais informações de como planejar sua viagem acesse:









Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...